Em
O Primeiro de Janeiro

21 Apr 2022, 0:00

168

Chile prende português procurado por explosão em Beirute

A polícia chilena prendeu, na quarta-feira, um português procurado pela Interpol pela explosão no porto de Beirute em 2020 que matou mais de 200 pessoas.

Jorge Moreira chegou a Santiago num voo vindo de Espanha e foi ntercetado no aeroporto, devido a um “alerta vermelho” da Interpol, e obrigado a regressar a Espanha, disse Saez. 
O português foi acusado pelas autoridades libanesas de introduzir no país a matéria inflamável que provocou, em agosto de 2020, a explosão que matou 215 pessoas, no porto de Beirute. 
Jorge Moreira era procurado pela Interpol, depois do Líbano ter pedido a sua detenção e extradição para aquele país árabe. O processo de extradição já foi, tal como o JN revelou, declarado extinto pelos tribunais portugueses, depois de Beirute não ter enviado, em tempo útil, a documentação necessária.
A enorme explosão do porto de Beirute devastou bairros inteiros da capital.
As autoridades disseram que a explosão foi causada por um carregamento de fertilizante de nitrato de amônio que incendiou depois de ter sido apreendido por anos em condições aleatórias.

Partilhar nas redes sociais

Últimas Notícias
CCDR-N e Irmandade com protocolo para reabilitação da Torre dos Clérigos
19/07/2024
Cristina Planas Leitão cessa funções no Teatro Municipal do Porto
19/07/2024
Dois homens detidos crime de contrafação na baixa do Porto
19/07/2024
Largo do Amor de Perdição recebe “FC Porto na Baixa”
19/07/2024
Muros da Rua de Miragaia vão ser reabilitados e reparados
19/07/2024
Porto Business School e Católica Porto Business School no MBA Ranking 2024
19/07/2024
Estádio do Dragão com novas regras de acesso
19/07/2024
Detido jovem de 16 anos por suspeita de pornografia de menores no Porto
19/07/2024
CCDR-N e Irmandade com protocolo para reabilitação da Torre dos Clérigos
19/07/2024
Cristina Planas Leitão cessa funções no Teatro Municipal do Porto
19/07/2024