Cirurgiões do Hospital São João vão ser julgados por retirarem mama errada a paciente

Dois cirurgiões do Hospital São João vão começaram a ser julgados na passada quinta-feira, por terem retirado a mama errada a doente, em março de 2016.

A paciente entrou no bloco operatório para a realização de uma mastectomia à mama direita, depois de ter sofrido um cancro. No entanto, quando acordou apercebeu-se que lhe tinham retirado também a mama esquerda.

O despacho refere que um dos médicos foi alertado pelas enfermeiras e pela anestesista no bloco operatório. No entanto, este terá ignorado e acabou por retirar as duas mamas, sem autorização da paciente.

A decisão instrutória refere que no processo físico do historial da doente havia um consentimento, assinado pela própria, de que apenas permitia que lhe retirassem a mama direita.

O julgamento começou na quinta-feira no Tribunal do Bolhão. Os dois médicos estão acusados de ofensas à integridade física por negligência.

Partilhar nas redes sociais

Últimas Notícias
CCDR-N e Irmandade com protocolo para reabilitação da Torre dos Clérigos
19/07/2024
Cristina Planas Leitão cessa funções no Teatro Municipal do Porto
19/07/2024
Dois homens detidos crime de contrafação na baixa do Porto
19/07/2024
Largo do Amor de Perdição recebe “FC Porto na Baixa”
19/07/2024
Muros da Rua de Miragaia vão ser reabilitados e reparados
19/07/2024
Porto Business School e Católica Porto Business School no MBA Ranking 2024
19/07/2024
Estádio do Dragão com novas regras de acesso
19/07/2024
Detido jovem de 16 anos por suspeita de pornografia de menores no Porto
19/07/2024
CCDR-N e Irmandade com protocolo para reabilitação da Torre dos Clérigos
19/07/2024
Cristina Planas Leitão cessa funções no Teatro Municipal do Porto
19/07/2024