Época balnear arranca no Porto com sete novas praias "Qualidade de Ouro"

No sábado, 15 de junho, o Porto iniciou a época balnear com sete novas praias "Qualidade de Ouro", que se juntam à do Homem do Leme, já distinguida com o prémio em 2023.

O reconhecimento, por parte da Quercus - Associação Nacional de Conservação da Natureza, indica que as zonas balneares da Foz, Gondarém e Homem do Leme – que reúnem oito praias – não registaram qualquer contaminação na última época balnear e mantiveram a classificação da qualidade "Excelente", durante cinco anos consecutivos, obtendo assim a marca "alta qualidade da água".

A prestigiada distinção reforça o posicionamento do Porto como destino de excelência e bem-estar ao preservar a qualidade ambiental das suas praias.

Por exemplo, o "Programa Bandeira Azul", promovido pela Associação Bandeira Azul da Europa (ABAE) – Secção Portuguesa da Fundação de Educação Ambiental (FEE), consolida o esforço da Invicta na salvaguarda do ambiente marinho, ao realizar inúmeras ações de proteção do ecossistema costeiro.

Este ano, o Porto conta com nove praias "Bandeira Azul", das quais duas têm a menção "Praia Acessível – Praia para Todos!". São elas a Praia do Homem do Leme e a Praia do Carneiro.

A vistoria final decorre na terça-feira, 18 de junho, dia marcado pelo hastear oficial das bandeiras, que terá lugar na Praia do Molhe, pelas 16 horas.

Com o objetivo de assegurar a qualidade das praias, as equipas da Águas e Energia do Porto realizam ações com impacto direto nas zonas balneares como, por exemplo, a monitorização em tempo real do funcionamento das redes de drenagem e a verificação diária das condições das infraestruturas das praias.

Com o arranque da época balnear, a empresa municipal Águas e Energia do Porto, através do seu laboratório, desempenha um papel crucial na gestão da Frente Marítima ao reforçar o controlo de qualidade das águas balneares.

Paralelamente ao controlo realizado por entidades oficiais, o laboratório da empresa municipal executa um programa de monitorização complementar da qualidade da água e da qualidade microbiológica e micológica das areias das zonas balneares da cidade do Porto, que visa a salvaguarda da saúde pública.

De salientar que a monitorização à qualidade da água decorre no âmbito do Plano de Controlo e Qualidade da Água (PCQA) e do Plano de Controlo Operacional (PCO), desenvolvido pela Águas e Energia do Porto e validado pela Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos (ERSAR).

A implementação criteriosa destes planos salvaguarda o cumprimento das normas de segurança e higiene das águas balneares, de modo a que permaneçam limpas e seguras para os banhistas.

 

Partilhar nas redes sociais

Últimas Notícias
CCDR-N e Irmandade com protocolo para reabilitação da Torre dos Clérigos
19/07/2024
Cristina Planas Leitão cessa funções no Teatro Municipal do Porto
19/07/2024
Dois homens detidos crime de contrafação na baixa do Porto
19/07/2024
Largo do Amor de Perdição recebe “FC Porto na Baixa”
19/07/2024
Muros da Rua de Miragaia vão ser reabilitados e reparados
19/07/2024
Porto Business School e Católica Porto Business School no MBA Ranking 2024
19/07/2024
Estádio do Dragão com novas regras de acesso
19/07/2024
Detido jovem de 16 anos por suspeita de pornografia de menores no Porto
19/07/2024
CCDR-N e Irmandade com protocolo para reabilitação da Torre dos Clérigos
19/07/2024
Cristina Planas Leitão cessa funções no Teatro Municipal do Porto
19/07/2024