Escalada de preços na eletricidade afeta famílias e empresas

Depois da polémica dos últimos dias, a Endesa está a assegurar aos clientes residenciais que não vai mexer nos preços da eletricidade.
Para já nos consumidores domésticos não há motivo de alarme graças à Taxa Fixa dos contratos, nas empresas a situação é diferente e há firmas que já receberam a fatura da eletricidade com a taxa de mecanismo ibérico.
Com a polémica da Endesa instalada e a causar confusão nos consumidores, a empresa de energia veio esclarecer que não vão haver aumentos para os clientes residenciais pelo menos até ao fim do ano.
A empresa está a enviar uma carta aos consumidores a garantir que o aumento de 40% anunciado não vai acontecer em 2022, e que, as condições de contrato de cada cliente irão manter-se, tal como no momento da contratação.
Já no mercado empresarial a questão é diferente e já há empresas a receber faturas com aumento graças ao mecanismo ibérico para limitar os preços do gás.
Por exemplo, numa empresa do grande Porto a fatura do mês de junho foi de 216,36€. Já na de julho o valor aumentou para 491,47€.
Se olharmos de forma detalhada para a fatura, vemos que para além do valor da eletricidade e dos impostos existe no setor “outros” uma taxa extra inserida dentro do Mecanismo DL 33/2022 no valor de 22,95€. Um valor que representa um aumento de 6,18% no valor total da fatura da empresa.
O mecanismo ibérico entrou em vigor em junho deste ano e pretende fixar um preço médio de 50 euros por megawatt-hora no gás natural por um período de 12 meses.

Partilhar nas redes sociais

Últimas Notícias
“Há muita gente que acha que as pessoas do Porto não devem dar opiniões sobre coisas de Lisboa”, diz Moreira
18/07/2024
Investigadores da FMUP alertam para riscos de injeções para rejuvenescimento facial
18/07/2024
Há jazz sob as estrelas nos jardins do Palácio de Cristal
18/07/2024
Novos Tempos | A importância dos símbolos
18/07/2024
Exposição Visita-oficina orientada para os mais pequenos na Galeria Municipal
18/07/2024
Dois detidos pela prática ao crime de roubo contra o património
18/07/2024
Bilhetes para a Supertaça Cândido de Oliveira disponíveis esta quinta-feira
18/07/2024
Reabilitação de prédio em Campanhã para habitação acessível
17/07/2024
“Há muita gente que acha que as pessoas do Porto não devem dar opiniões sobre coisas de Lisboa”, diz Moreira
18/07/2024
Investigadores da FMUP alertam para riscos de injeções para rejuvenescimento facial
18/07/2024