Pedro Abrunhosa integra Conselho Diretivo da Fundação Bienal de Arte de Cerveira

A entrada do artista para o conselho diretivo tem como finalidade projetar a Bienal a nível nacional e internacional.

O cantor e compositor portuense Pedro Abrunhosa, integra o Conselho Diretivo da Fundação Bienal de Arte de Cerveira, a convite do presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Cerveira e Presidente da Fundação, Rui Teixeira. Segundo o autarca: “Pelo seu percurso, polivalência e conhecimento técnico e artístico, será certamente uma mais-valia para dar força à missão da Fundação de promover a arte contemporânea a nível nacional e internacional, reafirmando Vila Nova de Cerveira como a Vila das Artes”.
A propósito desta iniciativa, Pedro Abrunhosa afirma: “A Bienal abriu portas a Cerveira. Colocou Cerveira no mundo. É uma marca de muita projeção e qualidade. Tentarei modestamente contribuir. Fiquei surpreendido com o convite, porque não sei de que forma é que posso ajudar. A minha área não é a arte contemporânea”, acrescentando: “Sou um visitante, um turista da arte contemporânea, se quiserem, mas estarei ao vosso dispor para, como dizem os irresponsáveis, para dar o meu melhor”. A entrada do artista para o conselho diretivo tem como finalidade projetar a Bienal a nível nacional e internacional. “Sabia de antemão que o Pedro Abrunhosa tem uma ligação muito grande com Vila Nova de Cerveira, gosta de arte e é uma personalidade reconhecida na área Cultural, uma componente que consideramos muito importante ter no conselho diretivo. Por estas mesmas razões, cometi a ousadia de o convidar e tive a honra de ele ter aceitado o nosso convite”, continua o autarca, Rui Teixeira, acrescentando: “Um território é tanto mais desenvolvido, quanto maior for a importância que se atribui à cultura, à criatividade, à arte. E para nós, sendo Vila Nova de Cerveira por excelência a Vila das Artes, é muito importante agir de forma complementar em todas as vertentes cultural, social e turística”.
O momento de apresentação aconteceu no Dia Internacional dos Museus, a 18 de maio, e contemplou uma visita guiada pelas exposições patentes no Museu Bienal de Cerveira, a partir do tema O Poder dos Museus, considerando que a data celebrativa teria como premissa a reflexão em torno do potencial dos museus em prol de mudanças positivas nas comunidades.

Partilhar nas redes sociais

Últimas Notícias
“Há muita gente que acha que as pessoas do Porto não devem dar opiniões sobre coisas de Lisboa”, diz Moreira
18/07/2024
Investigadores da FMUP alertam para riscos de injeções para rejuvenescimento facial
18/07/2024
Há jazz sob as estrelas nos jardins do Palácio de Cristal
18/07/2024
Novos Tempos | A importância dos símbolos
18/07/2024
Exposição Visita-oficina orientada para os mais pequenos na Galeria Municipal
18/07/2024
Dois detidos pela prática ao crime de roubo contra o património
18/07/2024
Bilhetes para a Supertaça Cândido de Oliveira disponíveis esta quinta-feira
18/07/2024
Reabilitação de prédio em Campanhã para habitação acessível
17/07/2024
“Há muita gente que acha que as pessoas do Porto não devem dar opiniões sobre coisas de Lisboa”, diz Moreira
18/07/2024
Investigadores da FMUP alertam para riscos de injeções para rejuvenescimento facial
18/07/2024