Primavera Sound Porto 2024 arranca esta quinta-feira no Parque da Cidade

Faltam poucas horas para o regresso do maior festival do Norte e, no recinto, já está tudo pronto para receber os festivaleiros. O presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, esteve no Parque da Cidade, onde teve oportunidade de presenciar os detalhes que estão a ser ultimados pelos profissionais responsáveis.

Na companhia do diretor do Primavera Sound Porto, Rui Moreira visitou o recinto antes deste se encher de festivaleiros e certificou-se de que está tudo pronto para a 11.ª edição do maior festival de música da região Norte.

Desde a zona destinada ao Porto. – onde se encontra um mini Mercado do Bolhão – aos palcos onde os artistas vão brilhar ao longo dos três dias de espetáculos, o autarca não deixou nada por ver.

Atividades para todas as idades

Além da música, o recinto conta com diversas atividades pensadas para os visitantes. O festival volta a acolher duas réplicas: uma do Mercado do Bolhão e outra de uma banca do edifício histórico da cidade.

Entre concertos, os festivaleiros são desafiados a conhecer melhor a identidade do Município, mergulhando em projetos enquadrados no pelouro da Economia, Emprego e Empreendedorismo, tal como no pelouro do Turismo e da Internacionalização da Câmara do Porto.

Depois de realizarem as atividades propostas, os visitantes podem usufruir de uma prova de vinho, recebendo ainda o Kit Porto.

O recinto conta também com uma Zona Envolvente, pensada para o descanso e relaxamento dos visitantes, bem como uma Zona Família, direcionada para miúdos e graúdos.

Mobilidade facilitada

Nos próximos três dias, todos os caminhos da Invicta vão dar ao Primavera Sound Porto 2024 e há muitas opções que facilitam a vida dos festivaleiros.

A STCP tem em curso uma operação que consiste num reforço, no horário diurno e noturno, das linhas que têm percursos aproximados do local do evento. Foi ativado um serviço especial para as madrugadas, que vai transportar os visitantes até ao centro da cidade após os concertos.

O serviço cruza o percurso entre a rotunda da Anémona e a Avenida dos Aliados para saída de passageiros próximos do centro da Rede de Madrugada. Consulte mais informações aqui.

Há ainda outras formas de planear a deslocação para o recinto, deixando o veículo no centro da cidade. Durante os três dias de festival, e mediante apresentação de bilhete, a Saba Portugal volta a cobrar um preço especial (1,50 euros por 12 horas) aos visitantes que deixarem o carro no Parque de Estacionamento da Casa da Música.

A partir deste ponto central, os festivaleiros podem usar o transporte público para se dirigirem de forma cómoda e segura para o Parque da Cidade.

São esperados 68 artistas, que irão distribuir-se por quatro palcos diferentes. Hoje, primeiro dia de festival, é a vez de nomes como SZA, PJ Harvey e Mitski agitarem o recinto. No segundo dia, que se encontra esgotado desde março, sobe ao palco a cantora norte-americana Lana Del Rey e Justice. Para fechar o evento, no sábado, o público vai vibrar com as atuações de Pulp e The National.

 

Partilhar nas redes sociais

Últimas Notícias
CCDR-N e Irmandade com protocolo para reabilitação da Torre dos Clérigos
19/07/2024
Cristina Planas Leitão cessa funções no Teatro Municipal do Porto
19/07/2024
Dois homens detidos crime de contrafação na baixa do Porto
19/07/2024
Largo do Amor de Perdição recebe “FC Porto na Baixa”
19/07/2024
Muros da Rua de Miragaia vão ser reabilitados e reparados
19/07/2024
Porto Business School e Católica Porto Business School no MBA Ranking 2024
19/07/2024
Estádio do Dragão com novas regras de acesso
19/07/2024
Detido jovem de 16 anos por suspeita de pornografia de menores no Porto
19/07/2024
CCDR-N e Irmandade com protocolo para reabilitação da Torre dos Clérigos
19/07/2024
Cristina Planas Leitão cessa funções no Teatro Municipal do Porto
19/07/2024